O Último Tango
<< voltar  

Daqui de cima parece todo mundo bem...fudido
Durante toda a minha vida eu me achei...perdido

Larirará, larirará, larirarí

Porque nada me consola eu sinto a falta dela
Tenho raiva das formigas que eu vejo da janela
A minha única esmola é o Piazzola na vitrola, que me faz cantar...

Larirará, larirará, larirarí, o último tango

Porque eu sempre fui um cara honesto e cordial
Ralei, ralei, ralei, sem saber porque ralar
Mas chegou a hora do ponto final
A raiva me consome e hoje eu vou extravassar!

Eu quero mais é se foda, porque eu estou pouco me fudendo

Minha mulher já não me quer porque o meu carro é nacional
Nada mais me surpreende tudo é sempre tão igual
Eu quero voar mundo à fora mas estou preso numa gaiola só me resta cantar...

Larirará, larirará, larirarí

Medo, angústia e depressão
O ódio tomou conta do meu coração


 

 
 
<< voltar